Artigos

Filtrar

logo

Liderar é difícil e exigente, mas também recompensador

Autor: Madalena Teixeira Duarte

Criado em: 28-05-2020

Quando em 1992 uma amiga me convidou-me para fazer voluntariado na Ajuda de Mãe, uma IPSS recém-fundada por um grupo da sociedade civil para ajudar gravidas, nem sabia no que me estava a meter. De 2 dias por semana passou gradualmente a trabalho a tempo inteiro, de trabalho a ajudar no “que é preciso” passou a ser ajudar a definir respostas de apoio não existentes ou em falta na comunidade, crian...

logo

Cultura organizacional e políticas laborais

Autor: Jorge Oliveira

Criado em: 25-05-2020

Na sociedade atual é cada vez mais importante que as organizações, sejam e lutem por ser diferenciadoras umas das outras. Não basta saber produzir um produto, um serviço, é necessário que essa organização possua algo que a torne mais forte e única. O Terceiro Setor, também cada vez mais é forçado a pensar assim, apesar de existir um certo tabu, sobre a concorrência no 3º setor, a verdade é que e...

logo

Uma Economia Sustentável

Autor: Teresa Ricou

Criado em: 11-05-2020

A SUSTENTABILIDADE pressupõe uma reestruturação global e profunda dos modelos e dos valores que regem as nossas sociedades:     a) Ao nível político, com a implementação da matriz da democracia participativa, livre acesso à informação e controlo social sobre as principais decisões públicas e/ou privadas com impacto social relevante;     b) Ao nível económi...

logo

Carta aberta em tempo de Pandemia

Autor: Domingos Rosa

Criado em: 07-05-2020

No momento que escrevo este texto, a pedido do Sector 3, estamos TODOS a viver um período difícil nas nossas vidas, de dimensão Mundial, a Pandemia COVID-19, com um fim cheio de interrogações, mas com muita esperança.Esta Pandemia terrível que afeta tudo e todos de igual forma, pessoas doentes e saudáveis, novos e velhos, empregados e desempregados, ricos e pobres, pessoas que professam qualquer r...

logo

O caminho aberto e desafiante da Economia Social

Autor: Maria José Dinis da Fonseca

Criado em: 27-04-2020

O Setor da Economia SocialQuando, há cerca de 25 anos se instalou em mim a vontade, diria até necessidade, de criar uma resposta social, inovadora e dignificadora, para as pessoas com deficiência mental e multideficiência,  ainda não sentia nem vislumbrava a força e o valor acrescentado que as organizações sociais poderiam aportar aos sistemas sociopolítico e socioeconómico de um país. Hoje, ...

logo

OUTROS TEMAS TRANSVERSAIS

Autor: Pedro Aragão Morais

Criado em: 31-10-2018

INTRODUÇÃO A Pobreza é uma matéria inesgotável, de tal modo ampla e complexa que se pode confundir com a própria história de toda a civilização humana. Nesta medida, o presente referencial técnico não passa de um mero apanhado, incompleto, sobre o fenómeno multidimensional da Pobreza. Assim, neste último capítulo, ainda que superficialmente, identificam-se mais alguns outros temas a serem ...

logo

VÍTIMAS DE VIOLÊNCIA

Autor: Pedro Aragão Morais

Criado em: 30-10-2018

INTRODUÇÃO A violência doméstica funciona como um sistema circular – o chamado ciclo da violência doméstica – que apresenta, regra geral, três fases: (1) Fase de aumento da tensão; (2) Fase do ataque violento; (3) Fase do apaziguamento ou da lua-de-mel. A violência doméstica é muitas vezes mantida em segredo durante anos. Alguns estudos apontam para que apenas 40 a 50% dos crimes chegam ao...

logo

TOXICODEPENDENTES

Autor: Pedro Aragão Morais

Criado em: 26-10-2018

INTRODUÇÃO A Lei da Descriminalização do Consumo alterou a forma como se olha para um consumidor de drogas, deixando de lado o preconceito que o comparava a um criminoso, passando a considerá-lo como uma pessoa que necessita de ajuda e apoio especializado. O Serviço de Intervenção nos Comportamentos Aditivos e Dependências (SICAD), tem por missão promover a redução do consumo de substância...

logo

SEM-ABRIGO

Autor: Pedro Aragão Morais

Criado em: 26-10-2018

INTRODUÇÃO Em 2013, o número de pessoas acompanhadas no âmbito da Estratégia Nacional para a Integração das Pessoas em Situação de Sem-Abrigo, foi de 4.420. Pessoas que viviam em jardins, estações de metro ou camionagem, paragens de autocarro, estacionamentos, passeios, viadutos, pontes e outros abrigos. No entanto, este número não espelha a totalidade do fenómeno, pois não contabiliza, no...